O melhor da vida é aguardar o que aí vem

Opinião

Artigo publicado no Dinheiro Vivo, no Diário de Notícias e no Jornal de Notícias

Se há secção neste Orçamento que prima pela estabilidade é a do IRS. Ao contrário das empresas, que saem aliviadas com a reforma do IRC, que também favorece investidores, as famílias não beneficiam de qualquer redução da carga fiscal. Antes pelo contrário, sofrem com o aumento de outros impostos, com os cortes de salários e de pensões, e ainda recebem a notícia, nada surpreendente, de que a sobretaxa de IRS (3,5%) se manterá, pelo menos, durante o próximo ano.

Não mexer no IRS (e no IVA) é, provavelmente, o maior erro deste Orçamento: deixar as famílias asfixiadas, com impostos de países nórdicos e, dessa forma, limitar ainda mais a recuperação da economia.

Neste momento crucial do ajustamento português, em que surgem os primeiros sinais – débeis – de retoma, Passos Coelho acordou, finalmente, para a importância das expectativas.

E a triste realidade é que, neste país, onde perto de um quarto da população ativa está desempregada, as expectativas das famílias enterraram a economia mais do que o esperado.

Seria este o momento, aproveitando os tais sinais frágeis de retoma, para o governo tentar melhorar um pouco a vida de quem trabalha e, quem sabe, melhorar muito mais a sua ideia sobre o futuro.

A economia precisa de menos impostos sobre o trabalho, que restringem o emprego e a competitividade, e de mais estímulos – fiscais -, depois de uma contração excessiva do consumo.

O governo alegará que não tem margem orçamental para prescindir de receitas e, assim, reduzir a carga sobre as famílias, mas, no final, o que se sabe é que a política é feita de opções e o resto é conversa. Quem gere expectativas já deveria saber que “a melhor parte da nossa vida é passada a aguardar o que aí vem” (William Hazlitt).

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s